8 de dezembro de 2014

Recordar é viver

Olá ! Tudo bem com vocês ?


Sabe, eu sou do tipo que adora guardar tudo. Tenho muitas coisas que na opinião de muitos, poderiam ser jogadas fora mas sabe como é...sempre tem um lugarzinho especial para mais uma coisinha.



Dia desses peguei um tecidinho muito gracinha que comprei e não sabia o que fazer. Lembrei de umas fronhas antigas que minha mãe fez e que já estavam na hora de pegar caminho. Pronto...meu tecidinho já tinha destino certo. Se transformaria em belas fronhas para os travesseiros das meninas.












Peguei as velhas fronhas e fiquei analisando o sistema de fecho delas.

Nossa!! Quantas lembranças vieram à tona. Elas tinham os mesmos lacinhos que minha avó tinha o costume de fazer nas fronhas dela.
Na época não existiam tantos recursos como temos agora, então os lacinhos eram bastante usados.










A estampa é bem fru-fru.  Pra variar tem o rosa e tem o preto. Agrada tanto a filha nº 1 quanto a nº 2.











O tamanho é um pouco maior que o tradicional e eu fiz bem fofinho, não coloquei muito enchimento.












Olha o lacinho, que bonitinho !!! Ah, coloquei uma rendinha de algodão para dar um charminho a mais.











Boa semana meninas !

Bjs.


Bye  Bye


2 comentários:

  1. Linda demais as fronhas!
    O tecido é um encanto, essa pantera é muito simpática.
    Os laços....há tempos eu não via capas desse jeito, gostei muito!
    Parabéns pelo capricho! Tem muita coisa que vale a pena guardar sim!!
    bjs

    ResponderExcluir
  2. Gostei imenso das suas novas fronhas, da rendinha que remata e dos lacinhos românticos.
    Beijinhos e que venham mais ideias!

    ResponderExcluir

cursor